diHITT - Notícias Auto Sauer: Maio 2010

segunda-feira, 31 de maio de 2010

3º Encontro de Carros Antigos do 12º Batalhão - Niterói - RJ

Vettel bate em Webber e Hamilton herda vitória


O inglês Lewis Hamilton quebrou um jejum de nove corridas sem vitórias e venceu neste domingo o Grande Prêmio da Turquia. O piloto da McLaren assumiu a ponta após um choque entre os pilotos da Red Bull, Mark Webber e Sebastian Vettel, que brigavam pelo primeiro lugar, e ainda resistiu a um ataque do companheiro de equipe Jenson Button para vencer. Apesar de ter perdido a vitória e ter caído para terceiro no fim, Webber manteve a liderança do campeonato, com 93 pontos, cinco à frente de Button, com Hamilton em terceiro, nove pontos atrás do australiano.


Completaram a zona de pontuação, do quarto ao décimo lugar, Michael Schumacher (Mercedes), Nico Rosberg (Mercedes), Robert Kubica (Renault), Felipe Massa (Ferrari), Fernando Alonso (Ferrari), Adrian Sutil (Force India) e Kamui Kobayashi (Sauber). Em relação aos demais brasileiros, Rubens Barrichello, da Williams, foi o 14º, Lucas di Grassi, da Virgin, acabou em 19º, e Bruno Senna, da Hispania, abandonou.


A CORRIDA

Webber largou bem da pole position e Vettel ultrapassou Hamilton para tomar a segunda posição. Entretanto, ainda na primeira volta, o inglês recuperou o segundo lugar. Da mesma forma, Schumacher largou melhor do que Button, mas perdeu o quarto lugar ainda no primeiro giro. Enquanto isso, Massa mantinha o oitavo lugar e Alonso perdia uma posição e caía para 13º.

Na frente, Hamilton pressionava Webber o tempo todo, mas não conseguia a ultrapassagem, e era seguido de perto por Button. Com um forte ritmo, os quatro abriam muito de um pelotão que tinha Schumacher, Rosberg, Kubica, Massa e Petrov. Nas paradas de box, Hamilton perdeu o segundo lugar para Vettel, enquanto Alonso subiu para décimo, ficando colado em Petrov.

O grupo dos quatro primeiros seguiu colado, até que a corrida mudou num piscar de olhos, na 40ª volta. Vettel partiu para cima de Webber, que tentou resistir, mas manteve a sua trajetória e inexplicavelmente foi atingido pelo alemão, que deu uma virada de direção para a direita no retão. 

Após o polêmico toque, Vettel abandonou e fez gestos para as câmeras chamando Webber de louco. O australiano acabou perdendo posições para Hamilton e Button, e ainda foi obrigado a fazer um pit stop extra para trocar a asa dianteira. 

Logo depois, começou uma chuva leve, que não foi suficiente para deixar a pista muito molhada. Em seguida, na 49ª volta, outra disputa entre companheiros de equipe, mas agora na McLaren: Button fez a ultrapassagem sobre Hamilton no complexo de curvas antes dos boxes, mas acabou levando o troco no fim da reta principal.

Outra disputa quente na corrida foi pela oitava posição, entre Petrov e Alonso. A três voltas da bandeirada, o espanhol partiu para o ataque e ultrapassou o russo após um toque entre os carros - Petrov teve um pneu furado e saiu da zona de pontuação.

Depois disso, a corrida ficou mais calma e, após incidentes pedidos da McLaren para que "poupassem combustível", Hamilton e Button levaram seus carros até a linha de chegada em segurança.(Lancenet)

A próxima corrida será daqui a duas semanas, no Canadá.

RESULTADO FINAL DO GRANDE PRÊMIO DA TURQUIA

1º - Lewis Hamilton (ING) McLaren-Mercedes - 1h28m47s620
2º - Jenson Button (ING) McLaren-Mercedes - a 2s645
3º - Mark Webber (AUS) Red Bull-Renault - a 24s285
4º - Michael Schumacher (ALE) Mercedes - a 31s110
5º - Nico Rosberg (ALE) Mercedes - a 32s266
6º - Robert Kubica (POL) Renault - a 32s284
7º - Felipe Massa (BRA) Ferrari - a 36s635
8º - Fernando Alonso (ESP) Ferrari - a 46s544
9º - Adrian Sutil (ALE) Force India-Mercedes - a 49s029
10º - Kamui Kobayashi (JAP) Sauber-Ferrari - a 1m05s650
11º - Pedro de la Rosa (ESP) Sauber-Ferrari - a 1m05s944
12º - Jaime Alguersuari (ESP) Toro Rosso-Ferrari - a 1m07s800
13º - Vitantonio Liuzzi (ITA) Force India-Mercedes - a uma volta
14º - Rubens Barrichello (BRA) Williams-Cosworth - a uma volta
15º - Vitaly Petrov (RUS) Renault - a uma volta
16º - Sebastian Buemi (SUI) Toro Rosso-Ferrari - a uma volta
17º - Nico Hulkenberg (ALE) Williams-Cosworth - a uma volta
18º - Timo Glock (ALE) Virgin-Cosworth - a duas voltas
19º - Lucas Di Grassi (BRA) Virgin-Cosworth - a três voltas
ABANDONOS
Karun Chandhok (IND) Hispania-Cosworth - a cinco voltas
Bruno Senna (BRA) Hispania-Cosworth - a 11 voltas
Sebastian Vettel (ALE) Red Bull-Renault - a 18 voltas
Heikki Kovalainen (FIN) Lotus-Cosworth - a 24 voltas
Jarno Trulli (ITA) Lotus-Cosworth - a 25 voltas
MELHOR VOLTA
Vitaly Petrov (RUS) Renault - 1m29s165, na 57ª

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Senna vê melhorias na equipe para 2011

Brasileiro diz que evolução do carro só depende do time

Bruno Senna, da Hispania, chegou à Turquia e comentou sobre o rompimento da equipe com a fabricante de chassi, Dallara, e espera melhorias no futuro.

Para o brasileiro, os constantes desentendimento entre o time e a fabricante prejudicaram o desenvolvimento do carro.

- A gente vai mudar o procedimento, como as coisas são feitas. Agora, o desenvolvimento do carro e das partes e construção dele são nossa responsabilidade. Esse impasse com a Dallara está rolando faz um tempo e isso atrasou bastante nosso desenvolvimento - afirmou.

O piloto destacou que, a partir de agora, a evolução do carro só depende da equipe e o único problema é a questão financeira. 

- Agora estamos com a 'faca e o queijo na mão' supostamente, talvez não o queijo, porque ainda falta dinheiro para fazer o desenvolvimento que queremos, mas já estamos com os instrumentos na mão pra fazer um trabalho mais forte de desenvolvimento - declarou.

Senna contou ainda que a Hispania já está visando a próxima temporada e que a base do carro será diferente.

- A equipe já está pensando em 2011. Já que o regulamento vai mudar tanto, não adianta muito ficar olhando para o carro desse ano para o ano que vem, a base vai ser um pouco diferente, mas ela não é bem desenvolvida - disse.

Mesmo só completando duas corridas, o piloto acredita que com pequenas mudanças o carro poderá melhorar bastante.

- Não vou dizer que ele (carro) é ruim. Todo carro pode ser desenvolvido e até onde esse pode ser desenvolvido é difícil de dizer, mas acho que se a gente puxar um pouquinho dá para tirar bastante tempo do carro de uma forma mais simples - falou.

Sobre a recente declaração de Karun Chandhok, que disse ser mais rápido que o brasileiro e ganhar dele na disputa interna da equipe, Bruno explicou que tudo não passou de um mal-entendido.

- A gente conversou sobre isso, ele falou que o jornalista pegou as coisas fora de contexto. Ele sabe que estatisticamente isso não é a verdade, então isso não interfere no nosso regulamento - amenizou.
Apesar das dificuldades, Senna vai para o GP da Turquia com o objetivo de concluir sua terceira prova na temporada. (Lancenet)

Pirelli próxima de fechar acordo com a Fórmula 1

Fornecedora de pneus deve ser anunciada até o final da semana

A Pirelli está próxima de ser aprovada como fornecedora única de pneus da Fórmula para o ano de 2011, segundo informa a revista inglesa "Autosport". 

Após semanas de discussões entre os times sobre qual seria a empresa preferida, nos últimos dias foi decidido que a escolha ficaria entre Michelin e a Pirelli.

Depois de algumas teleconferências envolvendo os membros da Fota (Associação das Equipes de F-1), ficou entendido que a empresa de Milão surgiu como a principal opção para o próximo ano.

Mesmo que o acordo ainda não tenha sido fechado, o anúncio deverá acontecer ainda no fim dessa semana, segundo declarou o presidente da Pirelli, Marco Provera, ao jornal italiano "Gazzetta dello Sport".

- Nós veremos, existe essa possibilidade (do anúncio). Na sexta-feira, deveremos saber de alguma coisa - afirmou.

A confirmação do fornecedor para a próxima temporada garantirá que as equipes possam começar a planejar os próximos carros sabendo qual a forma mais adequada de ajustar o monoposto ao pneu utilizado.(Lancenet)

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Festival de Velocidade neste final de semana em Tarumã - Viamão - RS

 
O Autódromo internacional de Tarumã em Viamão apresentará no próximo final de semana um verdadeiro festival de velocidade com a realização da 2ª etapa do Campeonato Gaúcho de Endurance e a 1ª etapa da Fórmula Classic com duas baterias de 30 minutos cada uma.

Os treinos livres serão realizados no sábado e as tomadas de tempo e provas no domingo. A prova válida pelo Campeonato Gaúcho de Endurance terá duração de 2 horas.

Pedro Ávila da Equipe Farmácias Associadas Racing Team estará participando desta prova com o Corsa 54 da categoria Turismo até 2000 cilindradas em parceria com o piloto alegretense Diogo Bottaro. Atualmente, após uma etapa, encontram-se classificados em 2º lugar no campeonato.

Neste último final de semana os pilotos estiveram em Tarumã treinando fazendo os últimos acertos para a prova. Pedro Avila conta com o indispensável patrocínio das empresas Farmácias Associadas, Guanabara Veículos, Eletroluz, Abastecedora 1200 (Postos do Tigre e Hiper), J S Auto Peças, Compu Signs, Pneus e Etc., Fremax e Marcelo Auto Peças. A seguir a programação das provas deste final de semana:


SÁBADO - 29/05/2010
TREINOS LIVRES
09:00 às 10:00 - CLASSIC
10:10 às 12:00 - ENDURANCE
13:00 às 14:00 - CLASSIC
14:10 às 15:45 - ENDURANCE
15:50 às 16:15 - CLASSIC
16:25 às 17:45 - ENDURANCE

DOMINGO 30/05/2010

09:00 – TREINO CLASSIFICATÓRIO CLASSIC

09:30 – TREINO CLASSIFICATÓRIO ENDURANCE (CARROS DA TURISMO)

10:10 – TREINO CLASSIFICATÓRIO ENDURANCE (PROTÓTIPOS)



11:10 ABERTURA DE BOX PRIMEIRA BATERIA FÓRMULA CLASSIC
11:20 FECHAMENTO DE BOX
11:30 LARGADA

12:30 ABERTURA DE BOX ENDURANCE
12:50 FECHAMENTO DE BOX
13:00 LARGADA ENDURANCE DURAÇÃO 02 HORAS
15:05 PÓDIUM ENDURANCE

15:30 ABERTURA DE BOX SEGUNDA BATERIA FÓRMULA CLASSIC
15:40 FECHAMENTO DE BOX
15:50 LARGADA

(Foto Erlon Rald - Divulgação)

Mercedes-Benz 250 SL 1967

quarta-feira, 26 de maio de 2010

sábado, 22 de maio de 2010

Valentino Rossi conquista a pole do GP da França

Italiano tentará retomar liderança do Mundial de MotoGP em Le Mans


O italiano Valentino Rossi, da Yamaha, foi o mais rápido no treino classificatório para o Grande Prêmio da França, neste sábado, e largará na pole position pela 49ª vez na carreira na terceira etapa da temporada, em Le Mans.

Rossi conseguiu o tempo de 1m33s408 e venceu uma dura batalha com seu companheiro de equipe e líder do Mundial, o espanhol Jorge Lorenzo, que fez 1m33s462, e outro espanhol, Dani Pedrosa, da Honda (1m33s573). (Lancenet)

Tampa de bueiro causou acidente de Barrichello

No GP de Mônaco, suspensão do Williams do brasileiro quebrou


A Williams descobriu que a tampa de um bueiro foi a causa da quebra da suspensão traseira do carro de Rubens Barrichello durante o Grande Prêmio de Mônaco, no último domingo. A equipe fez uma investigação minuciosa e concluiu que a tampa atingiu a roda, o que provocou o acidente do brasileiro na subida para o Hotel de Paris.

"O carro ficou muito danificado no acidente que provocou o fim da corrida de Rubens. O incidente foi reportado à FIA (Federação Internacional de Automobilismo)", informou a Williams em nota.  (Lancenet)